J. Nazath
J. NAZATH
1969 Nacionalidad brasilera
Pela circunstância comecei cedo na vida com a necessidade de dividir entre infância, trabalho e estudos, visto que na cultura de meus pais era costume, os filhos ajudarem os pais desde a tenra infância. Na adolescência os desafios e as circunstâncias também me obrigaram, entre seguir uma carreira universitária ou um curso técnico profissional. Depois do curso médio escolhi o ultimo, visto que necessitava trabalhar para o sustento e as circunstâncias não me favoreciam seguir uma carreira de curso superior.

No mundo da arte e estilismo, degrau a degrau fui adquirindo confiança, profissionalismo e habilidades em basicamente todas as modalidades em que a profissão exigia. Sem embargo, nos vintes anos de trajetória profissional, uma fato ficou gravado e aderido em mim, que as dificuldades, problemas e crises que constantemente precisamos superar na vida, revelam nosso verdadeiro potencial, nos pule em todas as facetas de nossa vida, faz com tornemos mais analíticos, quer seja no cantinho do nosso silêncio, ou na extravagância de um olhar e, muitas vezes, na ingênua irreverência de nossas palavras. Muito embora quando pensamos que temos todas as respostas, a vida muda as regras do jogo e muda todas as perguntas. Entretanto a vida não parou de me oferecer coisas, mais coisas e mais coisas.

E confesso que, muitas e muitas vezes, não tinha a menor idéia do que fazer com as "coisas" que a vida me oferecia. Apenas uma coisa estava clara: precisava tomar decisões, se ia para trás ou seguia, se aceitava ou rejeitava, se dizia não ou se dizia sim. E muitas dessas decisões que tive que tomar, equivocou-me, já outras foram tomadas de forma precipitada. Ao passo que outras acertei na mosca, mesmo que fosse pura sorte! Mas de forma geral dei o melhor de mim, por fazer tudo que estava ao meu alcance em minha modalidade para manifestar ética, honestidade e comprometimento com aquilo em que acreditava ser o melhor para meu próximo. Como é de se esperar nesta vida, tudo que se planta se colhe. E poço dizer afirmativamente que colhi bons frutos. Na modalidade em que represento fui homenageado com três "the Best", um "tesoura de ouro", e um "Masther".

Durante muitos anos tive o privilegio de compartir meus conhecimentos a muitos outros empreendedores expondo-os por meio de vídeos aulas e de forma pessoal. Atualmente atuo como coordenador de um centro de beleza e estilismo em uma capital européia e desfruto oferecendo o melhor de mim. Tenho claro que apesar dos melhores esforços e melhores intenções, a vida nos fará recordar, de tempos em tempos, que precisamos fazer frente aos desafios. Mas sempre procuro recordar-me que são os desafios da vida que revelam quem nós somos. As metas e os objetivos são, de fato, um verdadeiro desafio. Mas são estes desafios que nos garantem e nos transmitem a confiança de que 'os fortes ficarão mais fortes.

Títulos publicados en LibrosEnRed:

Crises ou oportunidades? Eis a questão. Como, porque e quando

Colección: Negocios, Empresa y Economía
2009

Como fazer das crises uma grande oportunidade e fazer frente aos desafios da vida? Como sacar proveito de tais momentos a nível pessoal, profissional e empresarial? Como encontrar aspecto positivo das crises sem sair em deriva da realidade, sem conjectura, sem apelar para a emoção do leitor, como se a crise fosse simplesmente um estado de espírito, que basta um cambio de chip, ou na forma de pensar e pronto, a crise se foi? Responderemos tudo isto e muito mais na l

Todos os avanços tecnológicos, científicos, industriais, informáticos, estéticos e muitos e muitos outros, para chegar onde estão, passaram por crises, em menor ou maior dimensão. As leis que foram implantadas em todos os sistemas governamentais foram constituídas depois que o sistema estava caótico. As leis de transito, leis civis, leis sociais, tributarias, leis trabalhistas e muitas outras foram constituídas para colocar "ordem na casa". Depois de um sistema caótico (crises) se instituiu ordem para o progresso da sociedade em todas as modalidades.

Quando olhamos por uma ótica mais positiva e abrangente, conseguiremos notar que muito embora as crises deprimam e debilitam de alguma forma, por outro lado a mesma também proporciona oportunidades de desenvolver mais resistência e experiências quando fazemos frente a "ela" por uma ótica mais positiva. Sim, de oportunidades; Oportunidades para fazer ajustes, redirecionar, colocar ordem na casa, oportunidades de desenvolver mais prudência, oportunidades de desenvolver nosso potencial e habilidades profissionais, oportunidades de sair da zona de comodidades prejudicial e se projetar para o desenvolvimento.

Portanto como fazer das crises uma grande oportunidades para ordenar as metas e objetivos no mundo dos negócios? Enfocaremos detalhadamente aspectos positivos das crises sem sair em deriva da realidade. Por se tratar uns dos temas mais analisados e discutidos na atual conjuntura do mundo moderno, VALE A PENA LER ESTA OBRA. QUAIS SERAO OS BENEFÍCIOS E QUE RECEBERÁ EM TROCA? ENTRE MUITOS BENEFICIOS, TERÁ A SENSAÇAO DE SENTIR QUE com conhecimento, criatividade e trabalho duro, COM UMA ESTRATÉGIA DE AÇAO SIMPLES POREM INFALIVÉL certamente é possível fazer das crises uma grande oportunidade.


Untitled Document
Puede comprar el libro en los siguientes formatos:
Precio: US$7.9 (convertir) | Libro electrónico PDF - 1368 KB.
Precio: US$7.9 (convertir) | Libro electrónico LIT - 391 KB.
Precio: US$23.1 (convertir) | 192 páginas.


Hace un tiempito hablábamos de los seudónimos, esos nombres de fantasía que los autores eligen, por distintos motivos, para enmascarar su identidad...